março 19, 2010

Pensamento nº4

Já faz um tempo que li A insustentável leveza do ser, de Milan Kundera.
Achei o livro interessante e filosófico. Preciso lembrar de ver o filme.
Eu esqueci de anotar passagens de que eu gostava. E, como o vento, há alguns dias veio na minha mente palavras soltas, que logo transformei em frase.
"A vida é uma estrada de duas vias." Tenho alguma certeza de que aprendi isso lendo o livro que citei. Achei estranho lembrar do nada.

Mas, é a pura verdade. A vida é uma estrada de duas vias. E só temos uma chance para ver onde nossas escolhas nos levarão. Seja para o bem ou para o mal.

"O mito do eterno retorno nos diz por antecipação que nós só vivemos uma vez, e sem repetições, portanto, nunca poderemos comparar uma situação com outra."

"A vida humana acontece só uma vez, e não poderemos jamais verificar qual seria a boa ou a má decisão, porque, em todas as situações, só podemos decidir uma vez. Não nos são dadas uma primeira, segunda, terceira ou quarta chance para que possamos comparar decisões diferentes"


moody: thoughtful

2 comentários:

Nathália Carvalho disse...

Lindo o post! Amei! Tô lendo esse livro agora e o que vc falou retrata bem a profundeza que se encontra no assunto e nas palavras dele.
Bjo

disse...

Agora posso dizer que li o livro e vi o filme :)